Dicas de Hidratantes e Acetona.

Bom dia! 🙂

Como estão passando o carnaval? Por aqui estou aproveitando o feriado, lendo, colocando as séries em dia, ficando com minha filha e claro, pintando as unhas! Já estou deixando um monte de fotos prontas para os dias de correria! 🙂

E nesses dias de descanso lembrei que ainda não fiz aqui nesse blog um post sobre os produtos que uso para manter minhas unhas sempre bonitas, a manicure sempre perfeitinha. Peguei os cremes que ando usando na atualidade e fotografei para mostrar pra vocês. Também vou falar sobre as acetonas que são muito importantes no resultado final!

Sobre os cremes, eu uso vários e mudo constantemente. Às vezes eu escolho experimentar quando vejo as promessas da embalagem, outras vezes compro por dicas (ou de amigas ou de resenhas em blogs), outras vezes ganho de presente de amigas ou de troquinhas. Tirando o Nívea Soft que uso há anos, não tenho um produto pelo qual eu seja muito fiel. Mais importante que a escolha do creme é a disciplina de usá-los todos os dias, várias vezes ao dia. No momento estou usando esses:

Já usei muitos outros que foram ótimos, mas nem sempre compro outra vez, porque sempre tem vários outros para usar quando um acaba. Vamos aos de agora um por um:

Primeiro vou falar sobre o Nívea Soft, que nunca deixo faltar, ele é realmente excelente para hidratar as cutículas, já tem uns 3 anos que uso-o e vejo sua eficácia. O que mais gosto nele é que apesar de ter um poder de hidratação realmente intenso, a fórmula dele é mesmo suave, não meleca e é rapidamente absorvido, excelente para os dias de verão, quando suamos e qualquer creme “melequento” incomoda.

Para os dias de calor também gosto desse gel da Blant, o Acordes Florais (há outros aromas, mas esse é meu favorito), que hidrata deixando as mãos refrescadas. Não tem aquela hidratação tão intensa, mas ajuda bastante naqueles dias que saímos do chuveiro já suadas por causa do calor exagerado que anda fazendo. O que mais gosto nele é que ao esfregar o produto nas mãos, ele é rapidamente absorvido, deixando uma refrescância que lembra muito quando colocamos Halls na boca e bebemos água em seguida, sabem? Pensem nessa sensação mega refrescante nas mãos naquele dia de calorão? Adoro! Experimentei ele no stand da Blant na Beauty Fair e quando encontrei para vender, comprei sem pestanejar!

Esse é um creme italiano que ganhei de presente da minha amiga querida Sol Rangel, ele se chama Mani e Unghie, e é a da marca Leocrema. Ele tem um poder de hidratação muito bom, tem um cheirinho que lembra os de protetores solar (quando uso-o lembro logo dos dias de praia), absorve bem rápido e deixa a mão muito suave, com aquele jeitinho de “pele de pêssego”, sabem? Não faço idéia de onde vende dele, mas como estou usando, não seria justo não mostrar.

Esse é o Hidratante de Benjoim da Granado, que comprei na própria loja da Granado aqui no Rio de Janeiro. No dia eu comprei porque achei o cheiro delicioso, ele lembra aqueles acordes orientais, aquele cheiro que imaginamos pertencer à lugares como a Índia, Marrocos, Tailândia, etc. Nem é creme para as mãos, mas como é um creme, experimentei nas cutículas e gostei bastante! Hidrata super bem, deixa aquele cheirinho delicioso, não deixa a mão melecada, enfim, não é creme para as mãos, mas pra mim passou a ser. 😛

Eu gosto bastante dos produtos da Alchemia Bio, uma marca que vende nas Lojas Renner, e sempre compro algum deles para mandar em troquinhas com gringas, porque geralmente eles usam frutas brasileiras em suas fórmulas e é uma marca preocupada com o meio ambiente, tem o cuidado de colocar na embalagem que o produto não é testado em animais, todas essas coisas. Aí comprei esse Creme Nutritivo de Castanhas para mandar em uma troquinha, só que na hora de fazer a caixa da moça, eu esqueci de colocar ele e coloquei outro creme no lugar! Depois que já tinha enviado que eu me lembrei, aí pensei: ah, vai ficar pra mim então! E quando abri e experimentei, gostei tanto que parei de lamentar o equívoco! Na embalagem não diz que é para as mãos, diz que é para áreas ressecadas e que a hidratação é intensiva, e realmente ele tem um poder de hidratação excelente! Deixa a mão muito macia, as cutículas totalmente hidratadas e o cheirinho é suave e delicioso. Na embalagem também diz que é um produto vendido exclusivamente nas Lojas Renner, então quem quiser, é só procurar nelas.

Esse eu não uso nas unhas das mãos, uso nas dos pés. Muita gente me pergunta se nos pés eu hidrato também como nas mãos. A resposta é NÃO. De forma alguma eu passo o dia passando cremes nas unhas dos pés, porque o pé melecado incomoda mais que as mãos. Então nos pés eu hidrato uma vez por dia (geralmente quando saio do banho) e só. Isso quando tô com paciência! Nos pés eu também não tiro as cutículas com alicate, também passo produtos para remover o excesso de peles mortas (uso nas mãos e nos pés o Cuticle Remove da Nfu-Oh), mas também precisa hidratar e é esse creme Castanhas do Brasil da Panvel que eu uso. E ele meleca um pouco, então eu tenho o cuidado de passar só nas cutículas mesmo, porque não aguento pé melecado. Eu poderia continuar usando outros como o Nívea Soft, mas como ganhei esse de presente em uma caixa de aniversário de amigas muito queridas, eu gosto de usar e lembrar delas com amor (beijo pra Su, Lola e Amandinha ❤ ❤ <3).

Esse óleo de banana Pro Vida da Yenzah eu ganhei de brinde em um evento recente na Pink Casa da Manicura, e olhem, AMEI. Além de ter um cheirinho muito delicioso, ele é suave e deixa a pele muito macia! Ando usando ele junto com o Nívea Soft. Coloco uma pequena quantidade dele nas cutículas e esfrego. Depois passo o Nívea Soft. Fica ainda mais hidratado que o normal! Rende tanto, que acho que vai demorar pra comprar outro quando acabar essa amostra! 😛

Agora deixei o melhor pro final. Há um tempo atrás eu fui à uma dermatologista para algo que não tem nada a ver com as unhas e aproveitei para pedir dicas de bons cremes para hidratação. Ela me disse que os cremes que têm uréia na fórmula hidratavam bem, e me indicou alguns que são os olhos da cara, daí quando caí pra trás com os preços (entre 200,00 e 300,00 reais), desisti das indicações dela e fui procurar na net se tinha outros. Nessas pesquisas eu descobri que aqui no Brasil a concentração máxima de uréia permitida nos cosméticos é de 10%, porque segundo eles, o componente pode causar irritação em peles mais sensíveis. Pesquisando mais, descobri que em outros países, inclusive mais desenvolvidos e com melhores controles de vigilância sanitária, a concentração permitida era bem maior. Resolvi me arriscar e procurar no ebay algum creme lá de fora que tivesse mais uréia na fórmula, e achei esse do Canadá que se chama Hydrasyn e tem 25% de Uréia. Ele é indicado para peles muito ressecadas, com fissuras. Pensei: “se um creme é indicado para curar peles feridas e bastante debilitadas, então a uréia não deve irritar com tanta facilidade assim”. E resolvi me arriscar e comprar para experimentar. A fórmula dele parece bastante com a do Bepantol, sabem? Mas o poder de hidratação é realmente absurdo! É um Bepantol turbinado! Como ele meleca bastante, uso tal como usava o Bepantol há tempos atrás, na hora de dormir. Coloco nas unhas uma quantidade boa e vou dormir. No dia seguinte as cutículas ficam tão hidratadas, que tiveram vários dias que não passei nenhum creme durante o dia e continuaram perfeitas! Nesse momento exato eu estou sem esmalte, passei o Hydrasyn ontem e hoje acordei e lavei as mãos na higiene matinal. Não fiz mais nada e vou tirar a foto delas nesse momento para mostrar como estão perfeitas (juro solenemente que não tem nenhuma correção de photoshop nas cutículas, para quem ainda tem a ilusão de que cutículas perfeitas são resultado de photoshop e não de disciplina nos cuidados diários).

Mão esquerda
Mão direita

Como já disse aqui nesse post, minhas cutículas são assim mesmo, quase inexistentes, e isso não é produto algum, é natural do meu organismo. Quando as pelinhas começam a levantar mesmo com a hidratação, eu sei então que está na hora de retirar as peles mortas com o Cuticle Remove da Nfu-Oh, e isso acontece entre 10 e 15 dias entre uma e outra, a maioria das peles mortas se concentram naquela parte lateral das unhas, onde a pele fica mais durinha, sabem? Alí é onde sai a maior quantidade de pele. Nessas fotos tem mais ou menos uns 7 dias que passei o Cuticle Remove. Agora vou terminar o post daqui à pouco, vou pra cozinha fazer almoço e adeus toda essa perfeição! Óh céus, e começamos tudo de novo. 😛

Agora quero falar de um produto que usamos demais e quase nunca lembramos, a acetona. Como eu já disse muitas vezes, eu sou apaixonada pela Lutex, a acetona da 5cinco. Já usei acetona de outros países e muitas aqui do Brasil e nenhuma delas é tão boa quanto a Lutex. De uns tempos para cá outras marcas brasileiras estão tentando “correr atrás do prejuízo” desenvolvendo novas fórmulas para tentarem concorrer com a Lutex. Eu experimentei duas dessas marcas, a Acetona Extraforte da L’Apogée e a Acetona nova da Musa.

Como vocês podem ver pelos frascos bem usados, eu realmente usei essas acetonas por um tempo, não foi um uso de teste pra resenhar (até porque não faço resenhas para empresas, só dou dicas do que realmente uso). Lutex nem conta, eu já a uso há anos ininterruptos, quase diariamente. Então vamos às comparações.

Primeiro deixa explicar porque a Lutex é tão pefeita.

1º – Porque remove o esmalte mais difícil com muita facilidade.
2º – Porque não resseca as cutículas (e eu já testei ela nesse aspécto quando fazia swatches e fotografava em uma tarde até mais de 10 esmaltes).
3º – Porque ela não tem cheiro forte de acetona, o cheiro é bem suave e neutro.
4º – Porque não deixa mancha branca nas unhas.

Agora vamos às concorrentes. Primeiro a acetona da L’Apogée:

1º – Também remove o esmalte mais difícil com muita facilidade.
2º – Resseca um pouco as cutículas sim, nesse aspécto (que é um dos mais importantes), não concorre com a Lutex.
3º – Ela tem um cheiro extremamente forte de acetona, o que resolvi mais ou menos colocando umas gotas de essência pra cosméticos, o que não deixa perfeito, mas deixa menos pior.
4º – Ela tal como a Lutex não deixa mancha branca nas unhas.

Agora vamos à nova fórmula da Musa:

1º – Também remove o esmalte mais difícil com muita facilidade.
2º – Infelizmente também resseca as cutículas, não é tanto como as acetonas antigas, mas ainda resseca, não tem a qualidade da Lutex nesse quesito.
3º – Ela também tem um cheiro bem forte de acetona, e precisei colocar um pouco de essência para conseguir usar.
4º – Na embalagem diz que não mancha as unhas, e nos primeiros usos ela realmente não manchou, mas depois passou a deixar a tão chata mancha branca (comprei o frasco de 500ml e já enchi o pequeno 2 vezes com acetona).

A Lutex anda realmente bem cara, está difícil de encontrar por causa disso, as lojas não estão querendo renovar estoque e estão optando pelas concorrentes mais baratas e que prometeram ser tão boas quanto, mas pessoalmente eu digo às lojas: eu pago sem dó nem medo, é um produto que eu tenho certeza absoluta que me deixará satisfeita, me atenderá nas minhas necessidades, que eu uso quase diariamente e no qual eu invisto meu dinheiro feliz da vida. Por isso, após não encontrar nas lojas físicas a Lutex e ter comprado as concorrentes para experimentar, eu fui obrigada a entrar na loja online da 5cinco e comprar 5 frascos da Lutex de 500ml pra estocar. Preferia ter comprado os 2 habituais nas lojas de costume e não ter pago quase 30 reais de frete, mas prefiro comprar on-line e pagar todo esse frete e não trocar jóia por bijouteria.

Concorrentes da Lutex (até parece que vão ler o post, mas deixa eu desabafar hahahaha), quero mesmo que vocês consigam fazer uma acetona tão boa quanto pra termos mais opção no mercado, então essas observações não são exatamente críticas, mas pontos onde vocês ainda precisam melhorar para realmente concorrerem com a Lutex. A fórmula da 5cinco é tipo da Coca-cola, todo mundo tenta, mas não faz igual. Então botem aí o químico de vocês pra comer mais arroz e feijão, porque ainda não deu certo, mas tá quase! 🙂

Bom amigas, é esse o post de hoje, não tem esmalte, mas é uma parte importante da manicure também, os bastidores das esmaltações bonitas e caprichadas que vocês encontram aqui no blog. 🙂

Um beijo grande e fiquem com Deus! 🙂

Anúncios

21 ideias sobre “Dicas de Hidratantes e Acetona.

  1. Aline Mariguetti

    Post de utilidade pública. Maravilhoso, bem explicado e super bem feito. Adorei!!
    E q absurdo pagar o frete daquela loja, aff. Deveriam ter mais lojas vendendo Lutex, mas pelo que eu soube a 5cinco exige um valor mto alto para a comercialização, o que é uma pena, deveriam priorizar as lojas on line!!!

    Curtir

    Resposta
  2. Adega de Esmaltes

    Eu tenho uma dificuldade gigantesca de encontrar lutex amiga…
    tinha uma loja que vendia aqui, mas fechou…
    aí fiquei sem um tempão e a Kelly me mandou um frascão rsrs.. to economizando rsrs só uso nos glitteres e esmaltes difíceis…
    e concordo com vc que pagaria o que for por ela… ela realmente é a melhor… melhor que a Cutex Argentina que eu já tinha ouvido falar bem demais… já testei e prefiro a Lutex mesmo.. rsrs

    Tb uso o nivea, e mais trocentos outros kkkkkkkkkkkkk

    kisses amilgaaaa…
    bom descanso!

    Curtir

    Resposta
  3. Patrícia

    Aqui onde moro jamais vi Lutex, agora então, nem preciso sonhar rs. Eu resolvi parar de tirar cutícula há uns três meses, o que me ajudou muito foi o Bepantriz, que é o o genérico do Bepantol antigo, dizem que a fórmula mudou e o Bepantriz está melhor que o Bepantol atual (além de ser mais barato rs). Só sei que me fez ter as cutículas que nunca imaginei que um dia conseguiria ter. Mas eu vi que com displina e hidratação é possível! Fiquei só imaginando aqui a maravilha que é este Hydrasyn! Bjo!

    Curtir

    Resposta
  4. Stefana

    Apesar de agora ser possível fazer compras no ebay com boleto bancário e com cartão nacional, pode ser que tenha alguém que não queira se arriscar a ter sua compra desaparecida no Triângulo da Bermudas (vulgo: Receita Federal), então tenho uma dica de um creme nacional com preço amigo e com 20% de uréia. O creme é o Nutraplus 20. Usei a versão com 10% de uréia há muuuuuuitooooo tempo atrás e adorei. Hoje fui pesquisar e tive a feliz surpresa de descobrir que hoje em dia também tem uma versão com 20%. Vende em farmácias e, pelo que pesquisei, o preço gira em torno de R$35 a R$40. Eu mesma vou ver se compro um esta semana 🙂
    Obrigada pelas dicas ótimas! E as fotos estão maravilhosas! As empresas que fabricam estes cremes deviam te pagar comissão, porque suas fotos dão vontade de a gente sair comprando todos haha Beijo!

    Curtir

    Resposta
  5. Blog Josy Unhas

    Adorei saber das dicas Lú,gostei das comparações e com certeza se eu achar essa Lutex por aqui vou comprar um estoque pra mim também…
    cremes eu uso a cerinha granado e o mira da avon esses não troco mais…
    Beijoo

    Curtir

    Resposta
  6. Jane Iris

    Lu, eu amei o post, mas recebi uma notícia meio chata e gostariam que vc ou as meninas confirmassem pra mim… Aproveitei que estou passando uns dias na casa de minha mãe no interior de SP e fui a uma loja da Sumirê pra fazer meu estoque de Lutex, mas não encontrei. O pior é que a moça da loja me disse que estão sendo retiradas das lojas, pois a comercialização delas será proibida… Muuuito chateada com a notícia. Alguém sabe informar se é verdade? Vou encaminhar um e-mail pra 5Cinco pra confirmar…

    Curtir

    Resposta
  7. Ivanise Meyer

    Oi, Lu!
    Adorei este post! É sempre bom saber as indicações de bons cremes para as mãos/cutículas. Aprendi a usar o Soft contigo e sempre tenho um potinho perto de mim <3
    De tudo que já usei, o meu preferido ainda é o Vasenol Mãos e Unhas (estou no 3.º frasco), acho que é o único que sou fiel! Rsrsrs!!! E o Mira da Avon, também não largo dele.
    Aquela geléia de vaselina da Vasenol também é ótima, mas só p/ dormir, porque meleca as mãos.
    Lutex é tudo de bom!!! De todas que já experimentei, é a melhor!
    Bjks 🙂

    Curtir

    Resposta
  8. Penélope Luz

    Claro que uso, amiga. Nem imagina como fiquei feliz com aquela caixinha, tinha tanto carinho nela, os detalhes das coisas que eu gosto e que nunca tínhamos comentado, mas vcs observaram, o dvd do filme do gandhi e do nightwish, cremes que eu queria, esmalte vermelho, batom vermelho, a misturinha, até pipoca light (o detalhe carinhoso que eu estava de dieta na época!). Como não amar? Esses detalhes valem mais que qualquer objeto de valor. Eu amei mais a pipoca light de microondas que vcs me deram, do que algumas coisas de valor que já recebi de pessoas que só tinham interesse. Amo vcs! ❤

    Curtir

    Resposta
  9. Penélope Luz

    Que ótimo saber, quando acabar esse hydrasyn, vou me jogar nessa versão nova do bepantol, então!!
    Parar de tirar a cutícula com alicate é uma das melhores coisas que fazemos pela nossa higiene pessoal, cuidar das unhas fica muito mais fácil e simples!!

    Curtir

    Resposta
  10. Ju Balbino

    tô querendo muito experimentar esse “creme” da Blant 🙂
    esse post me lembrou também que eu preciso disciplinar de novo nos cuidados das unhas…
    adorei as dicas de cremes ^^

    sobre acetona, eu parei de usar e comecei com os removedores, experimentei o Lutex Mek, achei tão bom quanto a própria Lutex 🙂 e também tá tão caro quanto =/
    Tô usando o da Ideal, com extrato de semente de uva, que no começo achei o cheiro forte, mas já acostumei 🙂 agora comprei o Removin (também da Ideal), mas sem o extrato da uva… veremos^^
    bom é experimentando e ver o que nos dá certo, não é mesmo? 🙂

    bjos

    Curtir

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s